DTZ fecha unidade em Portugal a 30 de Abril

A consultora imobiliária DTZ confirmou hoje o plano para sair do mercado português, sendo que o fecho do escritório em Portugal vai ocorrer a 30 de Abril.

“A DTZ tem sido muito clara sobre a intenção de continuar a reestruturar e reorganizar o seu negócio, como foi confirmado recentemente no decorrer do processo bem sucedido de aumento de capital da empresa”, refere um comunicado da empresa, onde lamenta que “seja necessário fechar o nosso escritório em Portugal”.

Ainda assim, a empresa assegura que “continuaremos a prestar serviços aos nossos clientes através de nossa rede de escritórios em todo o mundo”.

Nos escritórios da DTZ em Lisboa trabalham 17 pessoas. A consultora imobiliária de origem britânica prevê para este ano fiscal um prejuízo “significativamente” maior que o esperado.

Keith Stockdale, Director da zona EMEA, comentou que “como um negócio, estamos muito focados em ajustar a nossa base de custos para conseguirmos responder aos desafios do mercado. É lamentável que isto resulte na perda da equipa Portuguesa, altamente profissional e a quem gostaria de agradecer pela sua dedicação no serviço ao cliente.”

Esta já não é a primeira multinacional do sector imobiliário a abandonar Portugal nos tempos mais recentes. Ainda no ano passado, embora no negócio da promoção imobiliária e não do da consultora, a francesa LNC Premier comunicou o fecho de operações em Portugal.

Fonte: Jornal de Negócios

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s